Titio por Clarice



Preciso desabafar pra vocês. Estou sendo usada e abusada pelo meu tio e apesar disso não consigo parar de ir ao seu encontro. Parece doença. Fico alucinada quando não consigo ser possuída por ele. Pior que meu marido já anda desconfiando e às vezes acho que tem até me seguido.
Tudo começou em maio passado.
Fomos passar a Páscoa em Ubatuba onde meu tio tem uma bela casa. Fomos eu, meu marido e nossos dois filhos, meu tio, minha tia e meus três primos e também minha irmã.
Sou uma mulher atraente, tenho 1m72 e peso 57 kg muito bem distribuídos apesar da idade de 35 anos e de ter tido dois filhos. Meu marido também é bonitão, honesto, bom pai, mas na cama nem sempre muito fogoso, mas nunca o tinha traído. Meu tio tem 47 anos, está em boa forma. É alto, moreno e bonitão também.
Nunca tinha reparado muito nele até esse fim de semana. Não sei se porque eu estava carente ou com falta de sexo, sei lá, mas o fato é que aconteceu.
Na sexta de tarde resolvi voltar para casa antes dos outros que ficaram na praia. Meus tios não tinham ido à praia e deviam estar em casa.
Quando cheguei ouvi estranhos gemidos vindos do quarto e fui logo me aproximando para saber do que se tratava. A porta estava entreaberta e quando me aproximei pude ouvir claramente gemidos da minha tia. Aproximei-me em silêncio e muito curiosa fui espionar o que se passava. Foi quando vi minha tia amarrada na cama sendo possuída pelo meu tio. Ela gemia e chorava, mas pedia mais e mais. Ela deitada de costas, com as pernas enlaçadas nas costas dele e ele penetrando vigorosamente sua buceta e dando tapas na cara dela. Às vezes a chamava de vadia e cadela e ela urrava de tesão. Fiquei tão assustada quanto excitada. Não conseguia tirar os olhos deles. E quando finalmente ele gozou e tirou o pau da buceta dela quase desmaiei. Era uma coisa aterradora. Devia ter uns 22 cm e muito grosso. Uma vez medi o pau do meu marido e tinha uns 16 cm e ele me disse que aquele era o tamanho de todos. O pau saiu mole e pingando porra. Minha tia parecia saciada. Ele desamarrou suas mãos e ficaram ali se beijando.
Entrei rapidamente no meu quarto e fui tomar um banho pra esfriar meu tesão. Coloquei minha mão na minha xaninha e ela estava ensopada. Fiquei uma meia hora no banho.
No dia seguinte alguma coisa me empurrava de novo para voltar mais cedo pra casa. Era um desejo estranho, incontrolável.
Dessa vez quando cheguei não ouvi barulho, mas eles estavam no quarto e a porta novamente entreaberta. Eles nem se preocupavam em fechá-la, porque já estavam acostumados que o pessoal só voltaria depois de 2 ou 3 da tarde. E ainda nem tinha passado das 11 horas.
De novo me pus a espiar e de novo acabei tomada de desejo e tesão.
Quando ele começa a falar besteiras pra ela, depois de torturá-la, eu saio de controle.
- Chupa cadelinha... Enfia ele todo na boca... Vamos putinha...
Ele falava e batia na cara dela. Ela deixava escapar o cacete com os tapas e ele imediatamente colocava de novo.
- Chupa vadia... Lambuza bem ele que hoje vou comer seu cuzinho cadelinha...
Nessa altura eu já estava com três dedos enfiados na minha xana e gemia baixinho pra não ser ouvida. Ele então a segurou pelos braços e levou-a até a cama e mandou que ela ficasse de quatro. Eu não acreditava que ele ia enfiar aquela geringonça no cuzinho da titia, coitada.
Mas foi o que ele fez.
Titia chorava, gemia e suplicava:
- Que delícia meu macho... Machuca sua putinha... Mete gostoso cachorrão...
Não agüentei mais e gozei gostoso. Minhas pernas ficaram tão mole que tive que me sentar no chão pra não cair.
Fui quase que me rastejando para o chuveiro. Fiquei horas lá.
Quando saí, meu tio já estava de roupa trocada e banho tomado e veio me perguntar:
- Por que você está voltando mais cedo da praia Clarice?
- Como assim titio? - perguntei assustada achando que ele não tinha percebido.
- Ontem e hoje ouvi você tomando banho mais cedo. ? Ele falou me olhando esquisito demais e com uma carinha meio safada.
- É que o calor e o sol estavam me dando dor de cabeça e resolvi voltar mais cedo.
- E você gostou do que viu Clarice? ? Ele disparou a pergunta secamente e eu levei um susto que cheguei a gaguejar pra responder.
- Viu o que tio?
- Clarice, você já é uma mulher, não precisa se esconder. Seu marido não anda tratando você direitinho? - Ele perguntou ainda com ar irônico.
- Anda sim. Por que o senhor está me perguntando isso?
- Porque você me parece uma mulher que não está tendo um bom sexo. Você precisa aprender algumas coisas Clarice.
- O que, por exemplo, tio? ? perguntei interessada.
- Se você quiser posso te ensinar, mas terá que me obedecer cegamente se quiser aprender a ter sexo realmente do bom. Você quer?
- Posso pensar no assunto? ? respondi mais por medo do que por falta de desejo. Sabia que minha resposta seria positiva, apenas adiei os acontecimentos.
Na manhã seguinte, antes de ir a praia ele me perguntou:
- Você vem assistir hoje de novo, Clarice? - sorrindo ironicamente.
- Se eu topar o que o senhor me propôs o que devo fazer? ? Resolvi ser direta, afinal nem tinha conseguido dormir a noite por conta dos pensamentos.
- Na segunda feira vá até o meu escritório na hora do almoço. Use uma saia e não use calcinha nem sutiã. Ao meio dia, tá??
Olhei bem nos olhos dele e confirmei com a cabeça.
- Clarice, hoje é dia de folga. Sua tia precisa se recuperar. - ele me disse isso pra evitar que eu saísse mais cedo da praia e não tivesse o mesmo prazer que tive nos dias anteriores.
Minha cabeça era um enxame de abelhas na segunda feira. Quando eu estava chegando a seu escritório comecei a ficar até ofegante. Não sabia o que me esperava e nem o que ele pretendia. Mas tinha certeza que eu queria aquele pau na minha bucetinha apertada.
Quando cheguei meu tio estava sozinho na sua sala. É uma sala grande, com tapetes e poltronas formando uma salinha intima, alem de sua mesa de trabalho.
Ele me pediu pra relaxar, ligou para a secretaria e disse:
- Pode mandar o cliente entrar.
A secretaria trouxe um homem de uns 40 e poucos anos, bem apessoado e charmoso, usando um terno escuro muito alinhado.
Antes dela sair ele disse com muita segurança:
- Não queremos ser interrompidos por nada, entendeu Vera?
- Sim senhor - balbuciou ela e fechou a porta.
- Walter, gostaria que você me fizesse um favor. Verifique com as mãos se minha namorada está usando calcinha.
Eu gelei. Mas lembrei-me de que deveria obedecê-lo cegamente.
Quando o cara sentou-se ao meu lado e colocou as mãos na minha perna, separei-as para permitir que ele pudesse me tocar.
Ele lentamente percorreu minhas coxas pelo lado interno desde o joelho até minha virilha lentamente. Me pareceram horas de tortura. Quando ele tocou minha xaninha ela certamente estava molhada. Quando ele sentiu isso, enfiou seu dedo dentro dela e me fez soltar um gritinho.
Titio então perguntou a ele:
- Então Walter, está sem calcinha?
- Preciso de mais um tempinho pra descobrir senhor. ? o safado respondeu.
E continuou a enfiar e a tirar o dedo de minha buceta, e me fazia ficar cada vez mais excitada.
Minhas pernas nessa altura estavam completamente abertas e eu deixei que minha cabeça caísse para trás no encosto da poltrona e gemia baixinho.
Até que meu tio me chamou.
- Clarice, agora veja se o pau dele ficou duro com isso.
O cara abriu a calça e abaixou o zíper. Só tive o trabalho de enfiar a mão por dentro da cueca dele e tirar pra fora. Estava duríssimo, mas era mais ou menos do tamanho do pau de meu marido.
Aquela vez era a primeira vez que alguém me tocava tão intimamente e que eu também tocava.
- Agradeça agora a ele pelos carinhos que ele fez em você Clarice. Meu tio ordenou.
Abocanhei aquele pau e comecei a chupar com vontade e tesão. Meu vestido nessa altura devia estar todo marcado pelo liquido que encharcava minha buceta.
- Não deixe sujar meu tapete Clarice. - meu tio alertou-me.
Quando o cara gozou engoli até a última gota de sua porra. Que parecia que daria pra encher um balde.
Meu tio então dispensou o cara e me deu uma toalha pra que eu me limpasse.
Disse que eu deveria encontrá-lo no escritório no fim da tarde do dia seguinte.
Eu ainda não tinha gozado e estava maluca de tesão. E disse isso a ele.
- Clarice, vá para casa e relaxe. Ainda não chegou a hora.
À noite possuí meu marido como uma desvairada. Parecia uma tarada. Ele até comentou:
- O que deu em você??
- Nada meu amor, estou com tesão, só isso. - respondi rindo.
No dia seguinte ele me colocou em seu carro e fomos para uma espécie de bar de executivos. Assim que chegamos logo percebi que era um bar de encontros e quis ir embora, mas ele me lembrou de que eu tinha prometido obedecer cegamente.
Ele me levou de mãos dadas até uma pequena sala nos fundos onde tinham uns 20/30 homens de terno e gravata que bebiam e observavam as mulheres fazendo strip tease.
Ele me levou até a coxia do palco, onde uma mulher bem vestida veio nos receber.
Eles já se conheciam e ela me tranqüilizou.
- Fique calma garota, ninguém vai tocar em você.
Meu tio então me beijou pela primeira vez na boca e me disse:
- Não me decepcione Clarice. Você tem um corpo muito bonito. - ele falou e se retirou.
Minhas pernas estavam bambas. Não sabia o que ia acontecer. Por outro lado o beijo na boca que titio me deu me deixou assanhada.
A mulher então me disse:
- Fique observando as duas próximas meninas no palco, que você será a terceira.
Eu gelei. Tirar minha roupa na frente de tantos homens era demais. Fiquei enjoada e queria até vomitar, mas Vera (esse era o nome dela) me segurou e disse:
- Calma garota, eles não te conhecem e nem você a eles. Aposto que todos gostariam de te comer. Vai lá, deixe todos eles de pau duro.
Não conseguia me conter à medida que chegava minha hora. Pedi pra Vera um copo com alguma coisa forte pra beber e ela me trouxe conhaque. Bebi de um gole só.
Me anunciaram como sendo a mulher de um executivo que gostava de ver sua esposa fazendo strip tease e lá fui eu para o palco.
Fiz o melhor que pude. Quando estava só de calcinha e sutiã, comecei a entrar no clima de desejo, e os homens todos me olhando me deixava cada vez mais excitada.
Quando tirei o sutiã foram muitos gritos de gostosa e muitos pedidos pra tirar tudo.
Pra tirar a calcinha me virei de costas para a platéia e me abaixei o mais que pude pra mostrar me todinha pra aqueles tarados. Estava molhadinha. Quando vi meu tio na platéia fiquei ainda mais excitada. Queria mostrar pra ele que eu era uma mulher gostosa.
Perdi o controle da situação quando comecei a passar a mão na xaninha como fazem as stripers. Fiquei louca. Não estava me controlando e comecei a enfiar o dedo dentro de minha buceta de verdade. Estava muito louca.
Enfim me salvaram de um vexame maior parando a musica. Meu tio foi me buscar atrás do palco e me deu um longo beijo na boca e eu pedi:
- Quero seu pau dentro de mim titio.
- Você vai ter Clarice. Na próxima vez.
Mais uma vez frustrada e excitadíssima. Novamente possuí meu marido.
Titio ficou sem me contatar dois dias. Meu coração disparava cada vez que ouvia o telefone tocar. Nesses dois dias eu chegava a me masturbar três ou quatro vezes por dia.
Até que finalmente era ele.
Ele apenas disse:
- Me encontre as 2 da tarde na suíte 32 do Motel Hermitage. Leve um óleo de amêndoas. - e me explicou como chegar até lá.
Me vesti especialmente pra ocasião. Sonhava com o pau dele na minha buceta. Será que ia agüentar???
Mas se titia agüentava porque eu não conseguiria, eu ficava pensando.
Quando cheguei, titio já estava na suíte dentro da hidro.
Ele pediu que eu me despisse e o acompanhasse.
Ficamos em silencio ali e ele me ensaboou todinha como se estivesse me dando um banho.
Depois saímos e ele mesmo me enxugou.
Disse que eu ia começar a aprender a sentir as coisas pelo tato.
Cobriu meus olhos com uma espécie de óculos de pano preto e me conduziu até a cama e me mandou deitar de costas.
Começou a passar a mão nos meus seios bem lentamente. Depois pela minha barriga, minhas coxas, minha virilha, até que chegou à mina xaninha ensopada.
Eu apenas gemia baixinho. Seus dedos ágeis começaram a masturbar meu grelinho. As vezes lentamente e as vezes mais rápido. Ele parava de vez em quando para brincar na entradinha da mina buceta, mas logo voltava ao grelinho. Aquilo era uma tortura e eu comecei a implorar:
- Fode titio... Quero seu pau... Por favor...
- Clarice, sente meus dedos e goze se você quiser... Sua buceta é muito gostosa pra ser penetrada apressadamente... Ela precisa ser acariciada antes...
Eu mexia meu quadril para tentar que pelo menos seu dedo me penetrasse mas era inútil. Me virou de bruços e então começou a lambuzar meu cuzinho com o liquido da minha xaninha. Aquilo me arrepiava toda. Nunca deixei meu marido meter no meu cuzinho, nem tocar nele. Mas titio me hipnotizava. Fiquei de quatro pra facilitar e ele começou a enfiar um pouquinho o dedo no meu cuzinho. Fui a loucura. Estava gritando já:
- Me fode titio, por favor... Quero ser sua putinha... Mete titio... Me faz sua...
Ele então parou e sem tirar a venda de meus olhos ordenou:
- Sua vez Clarice. Me toque.
Procurei imediatamente pelo seu pau. Quando toquei levei um susto. Sem vê-lo parecia ainda maior. Grosso. Duríssimo. Latejando.
Tentei enfiar na mina boca sem sucesso. Só conseguia colocar a cabeça. Comecei a lamber aquele pau enorme. Chupava a cabeça dele e masturbava ele usando as duas mãos. Estava encharcada.
- Mete titio... Não agüento mais...
- Agora vou te fazer minha vadia. - Disse isso e me colocou de quatro.
Quando ele começou a passar aquela vara na minha buceta eu já pressentia que ia doer. Ele então começou a penetração. Forçou o cacete na entrada da minha buceta e quando a cabeça entrou vi estrelas e gritei. Ele parou. Esperou me acostumar com aquilo e depois continuou colocando.
Era incrível. Minha xaninha estava sendo preenchida totalmente. A doer passou e o prazer chegou. Quanto mais ele enfiava mais tesão eu sentia. De repente aquele mastro chegou ao fundo. Senti aquilo batendo em minhas entranhas e coloquei a mão por trás pra ver se ele tinha colocado tudo e vi que ainda faltava um pouco. Mas ele parou porque não conseguia enfiar mais e começou a tirar e enfiar me segurando pela cintura.
Minhas pernas já estavam moles. Em menos de 1 minuto gozei a primeira vez e gritei de tesão:
- Que delícia titio... Que pau maravilhoso... Me fode mais...
- Cala a boca putinha... Ainda nem comecei... Rebola essa bunda... Vamos... Rebola vadia...
Ele falava e dava tapas na minha bunda e aquilo me deixava maluca.
Ele então deitou-se de costas na cama e me colocou por cima. Sentei naquela vara mas não consegui engolir ela todinha com minha buceta. Mas estava transtornada de tesão. Comecei a cavalgar enquanto ele chupava meus peitos e gozei pela segunda vez. Ele nem dava sinais de que iria gozar.
- O que você quer que eu e faça titio?? - perguntei.
- Que continue fodendo putinha... Vamos... Fode cadelinha...
Continuei cavalgando e comecei a me excitar de novo. Nessa altura eu transpirava. Meu corpo estava molhado. Ele começou então a lambuzar meu cuzinho enquanto eu cavalgava. Aquilo me excitava mais ainda. De repente ele parou e pediu.
- Clarice, me dê o óleo de amêndoas.
Me levantei e fui até minha bolsa buscar. Comecei a ficar com medo. Será que ele vai querer comer meu cuzinho? Eu pensava.
Não deu outra. Me pediu pra ficar de quatro e começou a lambuzar meu cuzinho inclusive por dentro, enfiando seu dedo. E depois lambuzou seu próprio pau com o óleo.
Foi quando eu implorei:
- Põe bem devagar titio, senão vou me machucar. Meu cuzinho é virgem.
- Clarice, fique tranqüila. Meu pau vai caber inteirinho no seu cuzinho, você vai ver.
Quando ele começou a enfiar pensei que fosse morrer. Abaixei a cabeça no travesseiro e mordi pra não berrar.
Ele ia empurrando muito devagar. Mas eu sentia minhas preguinhas se soltando de tão grosso que era o pau dele.
Aos poucos a dor foi passando. Ele segurava minha cintura e continuava empurrando. Comecei então a sentir seus pêlos na minha bunda e nem acreditei que ele tinha enfiado todinho.
Agora o que eu sentia era só prazer. Todinha enrabada. Possuída completamente. Quando ele começou com as estocadas comecei a delirar. A parede parecia girar. Eu parecia bêbada. A sensação daquele pau me possuindo me levava a loucura.
- Tá gostando putinha?? Está aprendendo a dar o cuzinho?? Rebola vadia...
Comecei a gozar e gritar:
- Delíciaaaa titio... Mete meu macho... Sou todinha sua... Me bate...
- Toma safada... Seu corninho devia te ver agora... Ver como você é uma vagabunda... Vadia... Safada...
- Vou gozar de novo titio... Aaiiiii... Que gostosoooo...
Gozei intensamente. Ele continuou a meter até que comecei a sentir os jatos de porra me inundar. Era muita porra.
Quando ele finalmente tirou aquele pau de dentro de meu cuzinho parecia que eu tinha emagrecido uns 3 quilos de repente. Era como se eu tivesse engolido uma melancia e ela estava saindo pelo meu cuzinho.
E o pau dele ainda ficou pingando porra por algum tempo.
Naquele dia ele ainda me fodeu mais uma vez no chuveiro e eu gozei mais uma vez.
Desde então ele vem me fodendo duas ou três vezes por semana.
As vezes ele me obriga a chupar o pau de alguém. Outras vezes me leva pra fazer strip, mas meter em mim só ele. O máximo que ele chegou foi deixar um cara gozar em minhas coxas.
Minha vida está uma confusão só. Minha buceta está muito larga para o pau de meu marido e ele não sabe o que aconteceu. Fico no mundo da lua o tempo todo. Quando trepo com titio não tenho nem força e nem vontade de trepar com meu marido e ele anda desconfiando.
O que vocês acham que devo fazer???

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario krek

krek Comentou em 04/04/2011

Abre o jogo com o seu marido, afinal se ele se achar prejudicado, o maximo que pode acontecer é a separação. Ou ele se habitua a ser corno e vc poderá viver feliz com ele, ou ele ficara só.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


5886 - Banquete de lagostas - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
11157 - A ex do bi e seus pezinhos, suas coxinhas, perninh - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11158 - O tiozinho me pegou de jeito - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11159 - Bunda e boca pro cunhado. - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11160 - Cu de mulher de bêbado não tem dono. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
11161 - Um Banquete Requintado - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11163 - Solidão nunca mais. - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11164 - Zonzinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11166 - A Calipígia' - Categoria: Fetiches - Votos: 3
11170 - Crentinha Virgem - Categoria: Virgens - Votos: 6
11178 - Reencontrando o titio que ja tinha me enrabado. - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11185 - A coisa e o último cabaço. - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11192 - Preto na branca por Jasmina - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11206 - Um caso de amor em Miami - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11217 - A Salvação. - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11220 - Pro meu corninho por Elaine - Categoria: Heterosexual - Votos: 7
11222 - Desempregado - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11240 - O pai do namorado por Morena - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11253 - Os Pintores por Elaine - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 9
11257 - Minha primeira trepada - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11262 - Promovida por Izabelle - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
11273 - Dá pra mim? - Categoria: Fetiches - Votos: 6
11289 - Profundo - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11291 - Tiro pela Culatra. Escrito por Sílvia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 9
11303 - Tia Nina. Minha primeira vez. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11304 - Enrabada e Feliz - Categoria: Traição/Corno - Votos: 10
11307 - Por trás é melhor - Categoria: Fetiches - Votos: 6
11308 - Na Bunda da Priminha Inocente - Categoria: Fetiches - Votos: 10
11309 - Namoro Anal Atrás do Sofá - Categoria: Fetiches - Votos: 6
11319 - Um ex-namorado por Elaine - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11322 - Lembranças... - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11324 - Traindo meu noivo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11348 - Fantasma por Mel - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11351 - Chamou Até Pela Santa - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11360 - Uma vizinha reprimida - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11370 - Alvo Errado - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11379 - Momento de Loucura - Paula - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11385 - Por trás, dói? - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11387 - Jovem Casada - Categoria: Traição/Corno - Votos: 8
11395 - Um Cunhado Maduro - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11402 - Rosca sem fim por Teresa Silva - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11404 - Enrabada pelo cunhado - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11406 - Dê e seu respeitável bumbunzinho. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
11409 - Dominador de fêmea - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11421 - Negócios por Lana - Porto Alegre RS - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11423 - Desvirginado pela vizinha - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11431 - "Judeiei" - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11439 - Madura seduzindo e sendo seduzida por um garoto - Categoria: Fetiches - Votos: 7
11446 - A bunda de Carla - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
11448 - Dani mulher do meu melhor amigo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11460 - O Rabinho da Crente. - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11461 - Meu tio começou pelo rabinho... por Sara - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11465 - Tara por aquilo preto - escrito por Solange - Categoria: Interrraciais - Votos: 5
11473 - A Pintadinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11489 - Seduzindo um coroa por SexyGirl - Categoria: Coroas - Votos: 4
11491 - A primeira namorada - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11504 - Prazer e remorso por Ângela - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11518 - Titia tesuda por Helena - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11523 - Motel Sobre Rodas por Praiana - Categoria: Fetiches - Votos: 3
11540 - Samira - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
11548 - Priminho Selvagem - Dandara - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11553 - Não dou... Não dou... - Categoria: Virgens - Votos: 8
11568 - Paixão "bundal" - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11578 - Minha irmã não deu, eu dei... por Rebecca - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11581 - Corneando o namorado doentinho com um homem mais v - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11582 - Viciei no anal - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11593 - Amizade Antiga - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11594 - Preferência Nacional - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11600 - A Noivinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11603 - Vida de Casada. Escrito por Joana - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11607 - A colegial que levou pau - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11614 - Curso de Férias por Tatiana - Categoria: Virgens - Votos: 5
11618 - Dando o troco e lucrando... Por Apaixonada - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11624 - Adorável Ruth - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11632 - A Negra - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11635 - O Ponto C - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11650 - Bom te ver.. "São as águas de março..." - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11661 - A mulher do juiz - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11679 - Férias do Namorado - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
11682 - Um anal inesquecível por Dayane - Categoria: Traição/Corno - Votos: 9
11702 - Só fez o que quis por Mazinho - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11704 - Livre para voar por Mulher Ardente. - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11729 - Só na frenta não por Mary Lindinha - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11735 - João Jumento - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11760 - Só atrás - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11764 - A magrelinha segurou o tranco - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11771 - Caricatura por Gerson - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
11778 - Casamento em crise por Elaine - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11783 - A massagem erótica por Paula - Categoria: Virgens - Votos: 4
11794 - Arrombamento e tanto por Márcia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11808 - Rosquinha, leite e chocolate por Fabi - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11811 - Os olhos vagos de Maria Rita - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11820 - Dívidas de uma vizinha safada - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11826 - O Dominador - Categoria: Sadomasoquismo - Votos: 4
11850 - O salvador da pátria por Márcia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11881 - A aposta de Cidinha - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 5
11893 - A Menina do Banheiro do Colégio - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11926 - Comida na fazenda por Mariana Frejat - Categoria: Sadomasoquismo - Votos: 4
11943 - Familiar - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11956 - Fazendo o que ele quer por Veridiana - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11981 - Iniciando a prima - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12012 - Tapas. beijos e muito mais... - Categoria: Fetiches - Votos: 4
12015 - Arrebitada - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12027 - Tesão no rabinho de Alice. - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12032 - Santa por fora, diaba por dentro por Rosana - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12037 - O valor da experiência - Categoria: Coroas - Votos: 4
12060 - Um traseirinho gostoso - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12079 - Papai e mamãe... E cunhada! - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12080 - O pai do namorado - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12103 - Telma e seu maravilhoso rabo. - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12107 - Escravos do prazer por João - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12118 - Começou no ônibus por Quel Pastor - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12135 - Traí meu marido sem querer querendo... por Rita - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
12139 - Fetichismo em alto estilo - Categoria: Fetiches - Votos: 4
12146 - O lobo rural por Leninha - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12162 - Minhas Férias na Praia por Mariana - Categoria: Fetiches - Votos: 5
12168 - Primeira enrabada por Carol - Categoria: Coroas - Votos: 4
12172 - Mulher do meu amigo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12174 - Intimado a virar Ricardão - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
12175 - O velho que satisfaz por Darlene - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12181 - Anal com Christina por Rogério - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12190 - O negão me rasgou por Flor - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
12193 - Enrabada pelo inspetor - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12196 - Garoto mamado - Gil - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
12210 - A Empregada Crente - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12212 - Gostosa por Maria M. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12262 - Lúcia, minha amante. - Categoria: Sadomasoquismo - Votos: 3
12268 - Aventuras de uma balzaquiana - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12288 - Macho negro por Verinha Loura - Categoria: Interrraciais - Votos: 1
12291 - A garotada do prédio por Joyce - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
12293 - Viagem de sexo e prazer por Inês - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
12304 - Reencontro - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
12333 - Chifre a domicílio por Ruiva - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12382 - Literaturas - Categoria: Virgens - Votos: 3
12487 - Um rasgo de audácia - Categoria: Fetiches - Votos: 1
12490 - Uma vizinha. Uma bundinha... - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12498 - Seu eu deixo? Deixo sim... por Bundinha Gostosa - Categoria: Virgens - Votos: 3
12513 - Questão de tempo... Cuspinho! - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12541 - Bundas - O começo do vício - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
12551 - Amante Gostosão por Aninha de São Paulo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
12605 - Brindadeira de casamento por D., Pirassununga - SP - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12612 - Mudança radical por Norma - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12651 - Férias Maravilhosas por Irene - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 4
12659 - Verão Proibido - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12680 - Enquanto dormia o maridão - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
12846 - Meu sogrão por Gilda - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
13010 - Grupo de estudos sexuais por Louraça - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 4
13326 - Noivinha sacana do meu amigo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
13358 - Sexo anal é muito bom por Rosa - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
13359 - Cur virgem no puteiro - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
13368 - Ao mestre o rabinho - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 4
13400 - Faculdades anais por Melissa - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
13564 - A Lolita da Van - Categoria: Virgens - Votos: 5
13574 - Tesão na dança de salão por Cláudia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
13971 - Sob o domínio do anal. Quebrando promessa! - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
13996 - Transa no clube por Morena Gostosa - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
13997 - Dei a bundinha e adorei, mas o cara... por Julie - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
13998 - Finalmente... por Marcela - Categoria: Virgens - Votos: 2
14121 - A baixinha - Categoria: Traição/Corno - Votos: 0
14172 - Se minha cozinha falasse - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
15842 - Sustos - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
16580 - Putinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
16778 - O primeiro de uma série. - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
23558 - Adoro garotos por Maria - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
38735 - O cozinheiro cuzinheiro. - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
38736 - A mandona. - Categoria: Fetiches - Votos: 0
43530 - A bundinha mais bonita da minha vida. Por Biel - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
49669 - O "rabinho" - Categoria: Interrraciais - Votos: 3
119906 - Like a Virgin - Categoria: Fetiches - Votos: 0
119907 - Ideologia. Eu quero uma pra foder... - Categoria: Fetiches - Votos: 1

Ficha do conto

Foto Perfil rela210223
ni.

Nome do conto:
Titio por Clarice

Codigo do conto:
12092

Categoria:
Traição/Corno

Data da Publicação:
03/04/2011

Quant.de Votos:
4

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


conto erotico gay: tirei a virgindade do evangelicomeu filho gozou na minha cara contos com fotosconto eróticos c novinhas d papaicontos eróticos dei a cu pro vizinhonegao para esposas contosExiste transex com o pênis acima de 22 cm mito ou verdadeContos eróticos de incesto e orgia com o papai o vovo e com os meus irmao na fazenda do vovo pauzudomãe puta, contonudismo sxycontos eróticos loirinha fode com 10 negrosContos eroticos de roludos fudendo ascunhadas e sograsporno quadrinhos sograponheta subrinha gostosa quadrinhos pornoquadrinhos porno contos porno climaxconto erótico gay incertofoto comedo de munher de cornosConto erotico pau muito grossocontos eroticos tio dormindo e sobrinha rabuda chupa seu pau de 25cmhentai mulher maravilhahistoria ti sogra transando com genrohistoria em quadrinho porno traicaocu da patroa conto eroticoguardete noturna chupando picafilha e velhoconto eroticofudendo a sogra durmindo em banda desenhadaContos lesbicos a amante do meu maridoContos eróticos foda de sobrinha que foi fodida pelo tio e o primo ao mesmo tempomozbuceta.comWww.c o n t o s q u a d r i n h o[email protected]contos eroticos sou casada e putaconto erotico anais fotosconto erotico dando banho nas filhinhasContos eroticos papaichupou filhA virgemMinha esposa eu e nosso amigoeu.e.papai.fodenos.a.mamae.em.contoscontos eroticos fudendo com uma travesticontos eroticos fudeu na escadafilme porno anova cunhada pasando creme no corpoporno nora bate punheta pro sogro de baixo da mesaxvideos novinha da buceta dezenhada sendo brexada no banhoconto erotico gay coroa viuvo faz viadinho de femeaconto erotico cmendo a enpregada rabuda no treemquadrinho porno sograultimos contos incestoscontos com fotoscfm casadasContoeroticomeninaviciadaindio tarado por grelo grandecontos eroticos com fotos gay acumulando 1 semana de porra no cuguinho pornoTirando a virgindade história em quadrinhocontos narrados de nifetas encochada pau enormeNo meu carro eu levei minha prima pra uma praia de nundismo eu fudi ela nais pedras conto eroticocontos erótico de casais monogâmicosconto erotico criei pelo bucetaContos eroticos secretaria gulosa mamando no pirocao de todos os machos do escritorio na hora do almoço em uma grande orgiaConto meu filho não endurece o pauporno casadas dona emily quadrinhosconto erotico em quadrinho a esposaconto dei o bum bum pro cachorroContos de incestos tomando conta do sogro doentecontos eroticos sou viciado em cu de viadiho mahosobuceta da minha tiacontos eroticos presente do papaicontos chantagem com o menino gordinho todos comeuO velhio descabaçador de mocinhas virgemcontos com fotoscfm casadascontos eroticos gostosa de camisola e a rola grossahentai moms Goiânia calcinha 2017 gay contosentindo a vara do vovô contos eroticos de incestoContos eroticos a madre coroasimone fazendo boquete conto eroticom com fotospicaggnegaoContos zoofilia das mulheres veterinarias que fazem boquete em cachorrosconto gay viuvo heterocontos eroticonto gay pepino cremecontos eróticos - gravida de um pivetefomos pescar com nossas esposas conto eroticocontos eroticos novinhas vendidascontos incesto verdico de mae e filhoesposa puta quadrinhosfotos de gay novinhos todos juntosdando o cuquadrinhos eroticos joaozinho